Dos mujeres hablando por una computadora, a la derecha una mujer es usuaria de silla de ruedas, a la izquierda una mujer mirando hacia atrás.

Cerca de 1 em cada 7 pessoas em todo o mundo vive com alguma deficiência hoje, de acordo com as Nações Unidas. Isso é quase 15% da população mundial. Destes, 80% das pessoas com deficiência em idade produtiva estão atualmente desempregadas.

A educação é um motor de inclusão social e econômica, e garantir a acessibilidade desses espaços é fundamental. Promover oportunidades educacionais para pessoas com deficiência em TI não apenas promove seu desenvolvimento profissional, mas também é fundamental para a construção de um setor mais diversificado.

Como parte de nossos esforços para continuar construindo uma força de trabalho mais inclusiva e diversificada, a Globant está atualmente promovendo programas educacionais que proporcionarão às pessoas com deficiência a oportunidade de se desenvolver em TI, com o horizonte de inclusão na indústria tecnológica.

Bootcamp com a Fundação Bensadoun Laurent


A Fundação Bensadoun Laurent atua há 7 anos na geração de programas que promovam a inclusão social de pessoas com deficiência no Uruguai. Seu objetivo é construir uma sociedade mais inclusiva. Uma das suas linhas de atuação consiste na realização de ações de desenvolvimento profissional, com ênfase na inclusão laboral. Compreendendo as portas que a indústria de tecnologia pode abrir, no ano passado, eles começaram a treinar jovens adultos em habilidades básicas de TI, gratuitamente.

Desde o primeiro momento em que conhecemos os alunos da Bensadoun Laurent, ficamos tão entusiasmados que sabíamos que tínhamos que fazer isso acontecer”, disse Julieta Estofan, líder de recrutamento na Globant Uruguai. “Os alunos têm tanto potencial que temos a certeza de que eles se tornarão grandes profissionais do setor”.

Este ano, as equipes da Globant e da Bensadoun Laurent trabalharam juntas, conversando sobre o conteúdo, a estrutura do curso e como ministrar o treinamento e possíveis adaptações necessárias. Por fim, o que começou como uma ideia tornou-se realidade. No final de abril, iniciaremos um Bootcamp de teste para jovens alunos da Fundação Bensadoun Laurent. Este Bootcamp envolverá mais de 250 horas de treinamento, incluindo tópicos relacionados a testes, habilidades de comunicação, dicas de como ingressar na indústria e Inglês para TI.

“O treinamento e as oportunidades profissionais de nível básico são essenciais para todos. Infelizmente, para pessoas com deficiência, muitas vezes é difícil encontrar programas educacionais que levem em consideração a diversidade de cada pessoa. Essa dificuldade é exacerbada ao ingressar no mercado de trabalho. Encontrar empresas dispostas a derrubar estereótipos e acompanhar pessoas com deficiência em seu desenvolvimento é muito importante”, afirma Gabriela Barrios, Diretora Técnica da Fundação Bensadoun Laurent. “O programa educacional com a Globant será uma grande oportunidade de aprendizado para todos os envolvidos, estamos ansiosos por isso.”

Autismo Tech: treinamento para pessoas neurodiversas no Brasil


A Globant patrocinará a terceira edição do Autismo Tech, um programa inovador de formação de pessoas neurodiversas em TI. O objetivo é capacitar e fornecer um caminho claro para ingressar na indústria. A iniciativa é organizada pela FIAP, instituição de ensino de tecnologia de ponta, e a aTip, startup brasileira. Isso é feito em colaboração com a Inclusão Humanizada, uma organização especializada na promoção de empregos de pessoas com autismo.

Este programa consiste na formação gratuita de 60 pessoas durante 11 semanas. Eles receberão treinamento em uma das três áreas de tecnologia: Desenvolvimento de jogos, Salesforce e Teste e garantia de qualidade. Os estagiários serão treinados em currículos de habilidades técnicas e sociais e terão acesso a mentores de várias empresas de TI, incluindo a Globant. Ao final da etapa de treinamento, 150 pessoas participarão de um hackaton de uma semana, incluindo os 60 estagiários.

“Organizar um evento como o Autismo Tech é incrível! É uma oportunidade genuína de oferecer oportunidades à comunidade neurodiversa”, afirma Caio Bogos, CEO e fundador da aTip. “As empresas que se juntam a nós, como a Globant, estão dispostas a entender melhor a neurodiversidade e trabalhar para a inclusão efetiva desta comunidade. Em nome da aTip, estou muito orgulhoso e feliz com esta parceria!”

As inscrições estão abertas e serão encerradas no final de junho. Depois disso, os estagiários que forem selecionados iniciarão a formação técnica em meados de julho.

Deficiências: consciência como ferramenta de mudança


A deficiência hoje é o resultado da interação entre uma deficiência médica, temporária ou permanente, e as barreiras sociais e ambientais que limitam a participação ativa de uma pessoa na sociedade. Portanto, não é apenas a deficiência, mas a relação com o contexto único de uma pessoa que constitui uma deficiência.

Os locais de trabalho inclusivos são construídos passo a passo, através de esforços conjuntos com uma visão comum: garantir um espaço onde todos se sintam acolhidos e apoiados e se sintam confortáveis sendo quem são. Além de promover oportunidades educacionais e profissionais, possibilitar espaços de conscientização para aprender e compreender a diversidade é fundamental para a construção de uma cultura de inclusão.


Com isso em mente, lançamos o Be One of a Kind, uma comunidade onde as pessoas podem se conectar e se sentir bem-vindas, abraçar sua diversidade e inspirar outras pessoas por meio de sua singularidade. Convidamos você a fazer parte deste movimento global, aproveitando o poder da autenticidade em cada etapa

Facebooktwitterredditlinkedinby feather

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>